Óxido de Zinco – Saúde e Ferro

Óxido de Zinco – Saúde e Ferro
4.9 (97.27%) 22 votes

Nutrientes podem ser divididos em dois tipos. O primeiro, chamado tipo 1, é necessário para processos metabólicos específicos. Estes incluem iodo, ferro, vitamina A, ácido fólico, cobre. Outros, que pertencem ao tipo 2, desempenham um papel em muitos processos metabólicos e no metabolismo geral. Estes incluem proteína, magnésio e zinco.

O zinco ganhou fama como um micronutriente incrível, cujo significado está relacionado a processos biológicos, pesquisas clínicas e muitos problemas importantes de saúde.

A importância do zinco foi primeiramente estabelecida em ratos, depois em porcos e, finalmente, em humanos. Um número significativo de suas propriedades bioquímicas e fisiológicas foi descoberto nos últimos 40 anos.

Durante esse tempo, além de ser um elemento valioso, o zinco ganhou o status de um mineral extremamente deficiente. Isto é para as suas peculiaridades não só associadas à digestão através do trato gastrointestinal, mas também porque o nosso corpo perde-se facilmente em condições específicas.

O que é óxido de zinco?

O óxido de zinco foi aprovado pela World Food and Drug Administration como um ingrediente ativo em uma variedade de protetores solares. A substância é colocada na camada externa da pele e, portanto, protege-a de absorver os raios UV e protege as camadas mais profundas da phenq o phen375 pele.

O zinco é um dos elementos básicos que garantem a nossa saúde phenq precio españa. Quando você sofre de uma deficiência de zinco, isso afeta seu corpo – perda de apetite, diminuição do paladar e do olfato, cicatrização mais lenta das feridas. A deficiência de zinco também pode levar a danos fetais em mulheres grávidas. Por outro lado, o excesso de zinco pode afetar a capacidade do organismo de absorver outros minerais, como o magnésio e o ferro. Isso significa que a ingestão de zinco deve ser bem equilibrada.

É amplamente utilizado em uma variedade de cremes, loções e pomadas, principalmente para proteger contra a queimadura causada pela luz ultravioleta. Também é usado no tratamento de vários problemas de pele, erupções diarréicas, adicionados a pomadas anti-sépticas, xampus caspa e em muitos phenq precio en guatemala produtos para bebês – de cremes a pós.

Devido às muitas tarefas do zinco no corpo, os sinais de deficiência são diversos. Estes incluem fadiga, diminuição da imunidade, cicatrização de feridas difíceis, lesões na boca, alterações no paladar, cegueira nocturna e crescimento lento dos cabelos e das unhas.

Quanto ao óxido de zinco, em particular, está disponível em uma variedade de produtos. Você pode encontrá-lo na forma de pó ou creme, e também na maioria dos filtros solares e hidratantes.

Benefícios para a saúde do óxido de zinco

O óxido de zinco é um composto químico que combina moléculas de zinco e oxigênio. É usado principalmente para melhorar a condição da pele, bem como para tratar muitas condições da pele.

Benefícios para a pele

  • Evita queimaduras solares – Atividades ao ar livre são ótimas, mas muita luz solar direta pode causar queimaduras solares. Usar um produto com óxido de zinco antes da exposição ao sol pode prevenir essas queimaduras.
  • Feridas e úlceras na pele – Existem inúmeros produtos para o tratamento de feridas e úlceras. O óxido de zinco também tem a capacidade de tratar essas condições. Há também indicações para remoção de verrugas.
  • Acne – A acne não é tão grave de um problema de saúde, mas causa desconforto. Uma solução para parar a acne é o óxido de zinco.
  • Poros – Quando a sua pele tem poros mais largos, este é um pré-requisito para a acne. O uso de produtos de óxido de zinco fará com que os poros encolham, especialmente na pele do rosto.
  • Rosaceae – O óxido de zinco é a maneira mais simples e eficaz de tratar as rosáceas. Esta substância pode reduzir a vermelhidão e irritação.
  • Psoríase – Melhorar a psoríase é mais eficaz se combinado com fenol. O uso de óxido de zinco em torno da área afetada pela psoríase pode proteger e curar a pele. A psoríase ocorre frequentemente devido à inflamação da pele.
  • Contra o eczema – Óxido de zinco é um grande ajudante para o eczema. O eczema também é resultado de processos inflamatórios na pele.
  • Redução de rugas – Processos naturais de envelhecimento nos predispõem a rugas e este é um processo irreversível. No entanto, o óxido de zinco pode ajudar a reduzir as rugas e tornar a nossa pele mais jovem. As propriedades químicas do óxido de zinco estimulam a regeneração das fibras e reduzem o aparecimento de rugas.
  • proteção UV – A luz solar tem um efeito negativo na pele, danificando ou até mesmo causando câncer. É por isso que precisamos proteger nossa pele dos raios UV prejudiciais. O óxido de zinco é uma das substâncias mais poderosas utilizadas em cosméticos para proteger dos danos causados ​​pelo sol.
  • Estimular regeneração da pele – O óxido de zinco também atua como antioxidante, mantendo a função normal da pele. Também acelera a cicatrização da pele e a cicatrização de feridas.
  • Herpes – Inicialmente, a infecção pode começar na boca e, quando não tratada imediatamente, pode irromper do exterior. Estudos mostraram que o uso de óxido de zinco acelera o processo de cicatrização, ainda mais rapidamente do que os pacientes tratados com creme placebo.
  • Assaduras – O uso de fraldas é um problema muito comum em bebês. O óxido de zinco é a sua solução. É inofensivo para o seu bebê. O óxido de zinco fornecido ajuda a tratar a erupção do bebê, criando uma barreira à sua disseminação, além de acelerar a cicatrização da área inflamada.
  • Manchas de pigmento – O óxido de zinco é uma substância recomendada para proteção da pele. Manchas de pigmentação são uma das condições de saúde mais difíceis para a pele. Pomadas gordurosas com alta concentração de óxido de zinco comprovadamente ajudam a reduzir a pigmentação em sua pele.

Efeitos colaterais

Houve pouco a nenhum efeito colateral reconhecido do óxido de zinco. Existe uma pequena possibilidade de reações alérgicas que podem ocorrer, mas esses casos são raros.

Se você experimenta ou não certos efeitos colaterais não pode ser confirmado, pois é totalmente individual. Você pode experimentar erupções cutâneas, inflamação e coceira.

Se você tiver algum destes sintomas, pare imediatamente o uso de óxido de zinco e procure assistência médica. No entanto, estas são ocasiões raras em pessoas que seguem as dosagens recomendadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *